Dono de bar é morto após discussão com cliente sobre preço de coxinha

Comerciante afirmava que o salgado custava R$ 0,50 a mais do que o consumidor dizia.

O preço de uma coxinha foi o motivo de uma discussão que terminou com a morte do dono de um bar nesta sexta-feira (4), na cidade de Simonésia (MG). As informações são do portal G1 Minas Gerais.

De acordo com o G1, as Polícia Militar afirmou que o dono do bar, de 52 anos, discutiu com um cliente ao afirmar que a coxinha custava R$ 3. Já o consumidor dizia que o valor correto a ser cobrado era R$ 2,50.

Também segundo a polícia, o dono do bar pegou um pedaço de madeira durante a discussão, mas foi contido por outras pessoas que estavam no local. Logo depois, o cliente avançou contra o dono do bar com uma faca. Ainda de acordo com a polícia, a vítima foi atingida com facadas nas costas e no pescoço. Conforme o G1, o autor do crime fugiu logo depois e ainda está sendo procurado pela polícia.