Baiano autor de chacina no Distrito Federal sacrificou vítima em ritual satânico

Policiais também fizeram buscas no imóvel em que a mãe de Lázaro morava e encontraram altares e tigelas de barro com dinheiro e cachaça. No local, também havia desenhos de pentagramas e uma cruz invertida.

De acordo com a Polícia Militar de Goiás, o homem afirma estar possuído por um espírito e que “vai levar o tanto de gente que puder”. Há indícios de que Lázaro pratica os rituais desde a adolescência.

Na úlima segunda-feira (14), o secretário de Segurança Pública de Goiás, Rodney Miranda, classificou o homem como “psicopata”.

“Ele, além de ser psicopata, é da região. É o que nós chamamos de ‘mateiro’, acostumado a se emburacar no mato. Ele deve ter outra motivação psicótica. Está muito focado em seguir na trajetória criminosa. Mas vamos chegar até ele”, disse Miranda.