‘Boca Mole’: chefe de facção criminosa de Salvador é preso com documento falso no Ceará

Atual “Dama de Copas” do Baralho do Crime da Secretaria de Segurança Pública da Bahia (SSP), Washington David Santos da Silva, mais conhecido como “Boca Mole”, foi preso nesta sexta-feira (7/5), durante operação policial no Ceará.

A prisão foi efetuada no município do Eusébio, na Região Metropolitana de Fortaleza. Durante abordagem policial, o criminoso apresentou documento falso e acabou preso em flagrante por isso. Ele foi conduzido à sede da Policia Federal (PF) no Ceará, onde ficará à disposição da Justiça.

Considerado foragido, até o momento da prisão, Boca Mole é apontado como chefe da facção “Ajeita” e é investigado por homicídios, tráfico de drogas e organização criminosa. A Justiça baiana já havia expedido dois mandados de prisão preventiva contra ele, pelos crimes de homicídio qualificado, associação para o tráfico e organização criminosa.

Atuante em Salvador, ele já foi preso e deixou a cadeia em maio de 2020, com tornozeleira eletrônica. Washington também já esteve preso no Presídio de Segurança Máxima de Serrinha. Em 2013, quando foi capturado pela polícia, chegou a ser acusado de tentativa de suborno ao oferecer R$ 100 mil para que o liberassem.

A operação que prendeu o chefe da ‘Ajeita’ contou com a Polícia Federal, Polícia Civil, Polícia Militar, Polícia Rodoviária Federal, Departamento Penitenciário Nacional, Secretaria de Administração Penitenciária , Secretaria de Segurança Pública e Defesa Social do Ceará e Secretaria de Operações Integradas do Ministério da Justiça e Segurança Pública.

Além disso, a ação também contou com apoio da PF na Bahia, a partir da troca de informações de inteligência que apontavam que foragido estaria em territ[orio cearense.