Chamado de “corno”, homem mata colega com motosserra

Luiz Branco Machado, 37 anos, foi assassinado com uma motosserra na manhã de terça-feira (22/10), em São Joaquim, na região Serrana do estado de Santa Catarina. O crime aconteceu em uma área de reflorescimento, conhecida como Bentinho.

A vítima foi morta após chamar um colega de trabalho de “corno” e “vagabundo”. Preso após ser denunciado por uma testemunha, o autor confessou o homicídio e revelou que, após uma discussão, empurrou o colega do cavalo. Em seguida, ligou uma motosserra e golpeou a vítima no pescoço.

O criminoso ainda tentou esconder o corpo de Luiz com palhas. A motivação, segundo ele, foi que o colega teria ofendido um familiar seu no dia anterior. Além de chamar o acusado de “corno” e “vagabundo”, também teria ofendido sua mulher. O assassino vai responder por homicídio qualificado por motivo fútil e ocultação de cadáver.

Informe Baiano