Formação de tromba d’água no céu impressiona moradores em Candeias; veja vídeo

Pessoas que estavam na praia de Caboto, distrito da cidade de Candeias, na Região Metropolitana de Salvador (RMS), foram surpreendidas com a formação de uma tromba d’água, fenômero similar a um tornado, no início da tarde desta sexta-feira (28).

“A gente tava almoçando e começou a sentir uma ventania. Quando a gente olhou pro lado, se formou o ‘ciclone’. A gente saiu filmando, correndo. Aqui do lado da gente”, relatou um dos moradores que registraram o fenômeno, Valnei Silva, ao BNews.

Em um vídeo que mostra a formação da coluna de ar, uma das pessoas brinca: “tá pensando que na Bahia não tem… Não tem uma porr*! Só lá que neva, é? Aqui tem tornado!”.

Apesar da semelhança, o fenômeno observado em Candeias tem um poder de destruição muito inferior a de um tornado. É o que explica Mauro Bernasconi, metereologista do Inema (Instituto do Meio Ambiente e Recursos Hídricos).

“À primeira vista, olhando, parece um tornado […] Mas o poder de destruição dele é muito mais baixo, por ser dentro da água e por não ter energia suficiente igual a um tornado”, diz o especialista.

“Basicamente, é um evento que se dá devido à formação de nuvens convectivas, que são nuvens de chuva, ou mais comumente, no linguajar da população, as nuvens de chuvas de verão… Normalmente, são nuvens muito densas, que se formam muito rápido, e quando eles encontram certos pontos de baixa de pressão, ocorre essa ascenção de ar. E então acontece isso, ele desce, parte da nuvem, em forma de funil”, explica Bernasconi.

E acrescenta: “se ele não chegar a encostar no solo, ela vai ser denominada como nuvem funil; se ela encosta em terra firme, ela é denominada tornado; se ela encosta no mar, ela é denominada tromba d’água”.

Veja vídeo:

Ver essa foto no Instagram

Formação de tromba d'água no céu impressiona moradores em Candeias; veja vídeo

Uma publicação compartilhada por Bahia Informa 24h (@bahiainforma24h) em