Grávida é torturada com pedaços de pau e chicote em Belo Horizonte após realizar supostos furtos

A vítima foi levada ao HPS.

Uma mulher de 32 anos foi torturada por criminosos com pedaços de pau e chicote no Aglomerado da Serra, na região Centro-Sul de Belo Horizonte, nessa sexta-feira (9).

A vítima está gravida de três meses e a motivação para o crime seria o fato dela ter cometido furtos na região.

De acordo com a Polícia Militar (PM), moradores denunciaram as agressões relatando que vários homens teriam amarrado uma mulher no beco Dona Alvina, na Vila Nossa Senhora da Conceição.

No local, a PM encontrou a mulher caída e ao seu lado os objetos usados nas agressões. Aos policiais, conforme registrado no boletim de ocorrência, a mulher disse que foi agredida pelos “meninos da boca”.

Os criminosos tentaram fugir ao ver a chegada dos PMs, mas dois deles acabaram sendo presos – um, de 33 anos, é apontado como o líder da Organização Terrorista Vila Del Rey.

A mulher foi levada ao Hospital de Pronto Socorro João XXIII com várias marcas de agressão pelo corpo, além de fraturas nos braços, mãos e crânio. Outros dois suspeitos de terem participado da tortura não foram localizados.

A ocorrência foi encerrada na Central de Flagrantes (Ceflan) 3.

Fonte: Bhaz