Guarda Municipal realiza operação e ‘convida’ banhistas a se retirarem das praias em Salvador; assista

Na manhã e tarde deste domingo (6/9), agentes da Guarda Municipal e uma Força Tarefa composta pela SEDUR, Transalvador, SEMOP (Ordenamento e Salvamar) colocaram, mais uma vez, em pratica a ‘Operação Tira o Pé da Areia’, que visa fazer valer o decreto municipal – de nº 32.272-, que proíbe, desde o mês de março, o acesso às praias de Salvador por conta da pandemia.

Apesar da proibição, o que se viu, foi, mais uma vez, dezenas de banhistas em diversas praias da capital baiana. Cerca de sessenta guardas civis municipais participaram da ação, com uso de 12 viaturas e megafones. Na ocasião diversos banhistas foram obrigados a deixar o local. Desde o final de março, o acesso às praias foi vetado.

Ver essa foto no Instagram

Acabou o baba! Enquanto uns 'fugiram' para o Litoral Norte do estado ou para as praias do Baixo Sul, outros continuam isolados em casa para conter o avanço do coronavírus e tem gente se aveturando pelas praias da capital baiana, mesmo com elas fechadas por determinação da prefeitura. A Praia da Paciência, no Rio Vermelho, foi uma das que registrou aglomeração de pessoas neste domingo (6) ensolarado de feriadão. O CORREIO recebeu vídeos de leitores que mostram um grupo de rapazes jogando futebol de areia, o famoso 'baba', quando são surpreendidos pela Guarda Municipal, que dispesa a movimentação na praia. De acordo com informações da GM, já foram realizadas mais de 200 operações deste tipo, no total, nas praias da cidade. Mais de 300 pessoas já foram orientadas. "Estamos passando em todas as praias, de São Tomé de Paripe até Praia do Flamengo", informou a assessoria do órgão. Nas ações, os agentes informam aos cidadãos sobre o decreto municipal que proíbe o uso das praias e solicita a saída das pessoas. 🎥: Leitor @correio24horas

Uma publicação compartilhada por Bahia Informa 24h (@bahiainforma24h) em