Um homem foi preso em flagrante após chamar uma adolescente de 14 anos de “gostosa” na piscina de um condomínio localizado no bairro Sete de Abril, em Salvador. O caso aconteceu na quarta-feira (3) e o suspeito está sendo acusado de importunação sexual.

Na ocasião, a menina estava sozinha dentro da piscina, quando percebeu que o homem a encarava. A vítima, incomodada, decidiu ir embora do local, mas foi chamada pelo suspeito, que teria lhe dito “palavras obscenas”.

A garota pediu ajuda para outra pessoa que estava na área da piscina. A testemunha contou que o suspeito “lambia os próprios lábios” e impedia a adolescente de ir embora.

A testemunha chamou os funcionários do prédio, que identificaram o suspeito e os detiveram. A Polícia Militar também foi acionada ele foi encaminhado para a Delegacia de Repressão a Crimes Contra a Criança e o Adolescente (Dercca), onde o caso foi registrado.

Em depoimento, o homem negou o crime, disse que achou a vítima bonita e acreditou que ela tivesse mais de 18 anos. O homem foi liberado provisoriamente, conforme decisão da Justiça em audiência de custódia ocorrida nesta sexta-feira (5). A decisão foi tomada pelo fato do suspeito não possuir antecedentes criminais e por não ter havido violência ou ameaça.

Apesar do benefício, o suspeito não poderá manter nenhum tipo de contato com a vítima, nem entrar no condomínio.

BNews