Igor Kannário rebate Eduardo Bolsonaro: “Não aceitam que o preto, pobre e favelado esteja no mesmo patamar que eles”

3013

O deputado federal e cantor Igor Kannário (DEM) rebateu as críticas do seu colega parlamentar Eduardo Bolsonaro (Sem Partido) sobre um vídeo divulgado nas redes sociais em que o baiano aparece batendo boca com policiais militares em cima de um trio elétrico durante a comemoração do seu aniversário, no bairro da Liberdade, no último domingo (1º).

O democrata disse que o episódio não passou de um mal entendido. Ele se justificou dizendo que fez um alerta aos policiais em relação a uma pequena confusão entre duas pessoas e que pediu respeitosamente que os PMs fossem ao local para controlar a situação e evitar uma tragédia. Ele ainda afirma que outros vídeos não editados confirmariam a sua versão.

Sobre os ataques do filho do presidente da República, Kannário alfinetou. “Na minha vida, aprendi desde sempre que respeito é um dos alicerces da democracia, mas parece que o colega deputado parece não gostar muito dos conceitos de respeito e democracia”, frisa.

“Eles não aceitam que o preto, pobre e favelado esteja no mesmo patamar que eles. Mas estamos no Congresso e vocês têm que nos aturar. Existe favela no Brasil inteiro, caro deputado, e eu represento este povo na Câmara”, completou Kannário.