Jovem transforma drone em metralhadora de foguetes e vídeo viraliza: ‘Se ninguém me convida, acabo com a festa’

Um vídeo com uma perigosa brincadeira tem viralizado nas redes sociais desde domingo (14). A filmagem mostra o momento em que um drone dispara foguetes em direção a algumas pessoas que realizavam um evento na rua.

O vídeo foi gravado na noite do último sábado (13), na cidade de Ipojuca, na região metropolitana de Recife, no Pernambuco. O autor das filmagens é o influencer Lucas Albert. Segundo a equipe do jovem, que tem 2 milhões de seguidores no Instagram, a brincadeira foi combinada com os amigos e inspirada no filme do super-herói “Homem-Aranha”.

Segundo Lucas, tudo foi planejado entre ele e os amigos. “Foi uma ‘trolagem’. Eu e meus amigos sempre brincamos de guerra de foguete, aqui é uma tradição”, conta.

O vídeo foi publicado no Instagram e já tem mais de 690 mil visualizações em um dia. “A galera da minha rua fez um churrasco e não me convidou. Olha o que eu fiz com eles. Se ninguém me convida, eu acabo com a festa”, escreveu Lucas em sua postagem.

Nos comentários, muitas pessoas acharam graça da situação. “Vou comprar um desse, pra quando fizerem festa no condomínio e não convidarem nós (sic.)”, disse um dos seguidores.

Entretanto, alguns também alertaram ao jovem sobre os perigos da brincadeira. “Lucas, não sei se sabe, mas existe legislação para pilotar drone. Você precisa de todas as autorizações oficiais. Só um toque já que é uma pessoa pública e pode pegar mal a polícia na sua porta. Abraços”, disse outro usuário.

Lucas se justifica dizendo que a brincadeira é segura e o foguete utilizado não oferece riscos. “Esse tipo de foguete que foi anexado no drone é sensível ao toque, se algo encostar quando ele dispara, ele apaga”, afirma.