Ministro interino da Saúde diz que inverno no Nordeste do Brasil é em janeiro; “igual o hemisfério norte”

O ministro interino da Saúde, general Eduardo Pazuello, cometeu um erro de geografia durante uma coletiva de imprensa nessa terça-feira (9/6). Ele disse que o inverno nas regiões Norte e Nordeste do Brasil acontece igual aos países do hemisfério norte do globo, ou seja, o período mais gelado seria em dezembro e janeiro.

“Para efeito da pandemia, nós podemos separar o Brasil em Norte e Nordeste, que é a região que ‘tá’ mais ligada ao inverno do hemisfério norte. São as datas do hemisfério norte em termos de inverno; e as regiões sul, sudeste e oeste, que é a região di país que está mais ligada ao inverno no hemisfério sul, que está começando agora, em junho, julho e agosto”, explicou.

Ao contrário do que disse o Pazuello, todo o Brasil está abaixo da Linha do Equador: o que significa que as condições climáticas no país são de inverno nos meses de junho, julho e agosto. Do outro lado do globo, como países europeus e os Estados Unidos, o clima se inverte, com as temperaturaturas mais quentes nesses meses e mais frias em dezembro e janeiro – auge do verão brasileiro.

O vídeo da coletiva de Pazuello rapidamente se espalhou nas redes sociais e “Norte e Nordeste” chegou a ficar entre os tópicos mais falados do Twitter. Alguns internautas compartilharam memes ironizando a situação.

AratuOn