O gestor da Secretaria da Segurança Pública (SSP), Marcelo Werner, usou as redes sociais para garantir que a morte do soldado Guilherme Alves Pinheiro não ficará impune. O policial foi assassinado na tarde desta terça-feira (2), durante incursões no bairro do IAPI, em Salvador.

“Não descansaremos até prender TODOS os envolvidos. Peço a Deus que conforte a família e amigos de Guilherme”, garantiu o secretário da SSP.

Durante a ação que resultou na morte do soldado, um suspeito ficou ferido e foi levado para o Hospital Geral do Estado (HGE), onde está custodiado.