Prefeito eleito de Porto Seguro diz que não fará ‘lockdown’ e estuda carnaval em abril

O prefeito eleito de Porto Seguro, Jânio Natal (PL), falou na manhã desta quarta-feira (18) que não pretende implementar o “lockdown” – confinamento total – em sua gestão. “Nosso município tem sofrido bastante com essa praga miserável da Covid. Mas uma coisa que não passa pela nossa cabeça é ‘lockdown’, fechamento de qualquer coisa ou de prejuízo ao comércio local”, disse o futuro gestor.

“A vida não para, não pode parar. Porto Seguro, 95% da sua economia é o turismo. Se a gente parar, ou morre de fome ou ficaremos todos sem saber o que fazer. Então a gente tem que tomar decisões com responsabilidade. De forma nenhuma, nós vamos parar o comércio de Porto Seguro”.

Jânio falou que pensa em realizar os festejos de carnaval em abril. Disse ainda que acha muito difícil ter carnaval nos próximos meses e avaliou como medida irresponsável manter o carnaval em fevereiro. Ainda segundo ele, a prioridade é a saúde da população e a volta às aulas.

O prefeito disse ainda que um “kit covid” será distribuído para a população mais pobre, com vitaminas e medicamentos. “Vai ser um kit que a gente vai fornecer para as pessoas mais humildes, que não têm condições. A gente está pensando até a oferece esse kit para o turista. Ele chegar ao aeroporto, ou ao hotel, ele ter o kit. Isso é o pensamento”, pontuou.

G1 Bahia