Rondesp invade casa nos Barris e baleia suposto suspeito de tentar matar PM; “isso é armação”

Um homem de 32 anos identificado como Bruno dos Santos Passos foi baleado dentro de casa durante uma operação da Polícia Militar no bairro dos Barris, no Centro de Salvador. O caso aconteceu na manhã desta quinta-feira (9/1) na Rua Almeida Sande.

A esposa do rapaz, que preferiu não se identificar, não presenciou a ação. “Sei que deixei ele em casa, dormindo. Fui fazer um exame e recebi essa notícia que a polícia invadiu minha casa e estou aqui esperando para entrar, que nem isso posso”, disse ao repórter da TV Aratu, Vinícius Cunha.

Os responsáveis pela operação são lotados na Companhia Independente de Policiamento Tático (CIPT/Rondesp BTS). Pela versão oficial, a guarnição recebeu a informação de que o rapaz, procurado por uma tentativa de homicídio contra um policial militar, estaria escondido no imóvel e foram verificar a situação. Chegando na casa, ainda segundo a PM, os agentes foram recebidos a tiros e revidaram, atingindo o suposto alvo.

Passos foi levado para o Hospital Geral do Estado e seu estado de saúde não foi revelado. A esposa dele, que está grávida de cinco meses, contou ainda que o marido já tinha sido preso, mas disse desconhecer a tentativa contra o PM. “Respondia a um processo, mas tinha deixado a prisão há cinco meses por tráfico de drogas. Essa informação de homicídio para mim é nova. Ele nem ficava fora de casa. Isso aí é armação”.

O imóvel onde tudo aconteceu foi fechado para perícia, que será feita pelo Departamento de Polícia Técnica (DPT). “Não sei nem o que eles fizeram aí dentro. Disseram que quebraram tudo”. O caso deve ser investigado pela Polícia Civil.

Aratu On